Hospital Ferreira Machado

LOCALIZAÇÃO:


guarus

R. Rocha Leão, 02 – Cajú
Fone: 2737-2500

COMO CHEGAR:


  • SAIBA MAIS...


    O Hospital Ferreira Machado (HFM) – uma das unidades da recém-criada Fundação Municipal de Saúde - é referência no atendimento de emergência em Campos e nas regiões Norte e Noroeste Fluminense. O hospital, que tem 59 anos, é reconhecido pelo Ministério da Saúde com a classificação de Nível III (máximo) em atendimento de emergência.
  • O HFM opera com um quadro de cerca de 1500 funcionários, entre médicos, enfermeiros, auxiliares e técnicos em enfermagem, assistentes sociais, psicólogos, farmacêuticos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, nutricionistas, bioquímicos, biólogos, terapeutas ocupacionais, técnicos em radiologia, técnicos em laboratório, técnicos em tomografia, além do pessoal administrativo e de apoio: Lavanderia, Transporte, Zeladoria, Contas Médicas, Patrimônio, Departamento de Pessoal etc.

    Instalado em uma área de 7.500 metros quadrados, o complexo do Hospital Ferreira Machado é composto por um prédio principal, com cinco andares, e dois anexos, onde estão instalados o Pronto Socorro e o Pronto Socorro Pediátrico, este último inaugurado no dia 16 de agosto de 2011. Além desses serviços, o HFM disponibiliza:

    Clínicas Médica e Cirúrgica: com enfermarias para acompanhantes e pacientes, banheiros adaptados para cadeirantes, salas de expurgo e de material de limpeza.

    Pediatria: reformulada dentro dos padrões estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), conta com 22 leitos, além de brinquedoteca, lactário, e banheiros estilizados para os pequenos pacientes.

    UTI Pediátrica e Neonatal: a UTIP possui cerca de 15 leitos, divididos em neonatal, pediatria e isolamento.

    Setor de Neurocirurgia: possui 15 leitos. Assim que o paciente termina uma cirurgia neurológica é encaminhado para local especializado dentro do hospital. Hoje, quem precisa passar por intervenção cirúrgica pode ser acompanhado de maneira mais adequada.

    DIP: Departamento de Doenças Infecto-parasitárias (DIP) possui 25 leitos, sendo cinco leitos para pacientes que precisam ficar isolados. Conta com ambientes arejados e banheiros com acesso para cadeirantes, obedecendo todas as normas exigidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

    Tisiologia: o setor, que trata de pacientes com tuberculose, conta com quatro leitos masculinos e três leitos femininos, todos com sistemas de controle de ar equipados com filtros Hepa, que renovam o ar em praticamente 100%, garantindo qualidade total de filtragem e controle de contaminação. A sala de expurgo garante um melhor gerenciamento do resíduo que não pode ser descartado junto ao lixo hospitalar comum.

    Centro Cirúrgico: o setor conta com modernos equipamentos, dentre eles, um arco cirúrgico, que realiza exames radiológicos com resultado imediato. O setor também conta com focos, mesas cirúrgicas e material completo para realização de cirurgias dentárias em pacientes com necessidades especiais, além de um equipamento de videolaparoscopia. O procedimento permite que cirurgias sejam realizadas com a ajuda do vídeo. Consiste na introdução de uma endocâmera no interior do abdome e a imagem é transmitida para um monitor a cores. Guiando-se pelas imagens, os cirurgiões introduzem pinças para realizar a operação.